Temer veta suspensão de contrapartida dos estados no projeto de renegociação das dívidas

01:04 Política, Notícias 28/12/2016 - 19h31 Brasília Embed

Priscila Rangel

O presidente Michel Temer decidiu vetar algumas das alterações feitas pelo Congresso no projeto de lei sobre a renegociação das dívidas dos estados com a União. De acordo com a Casa Civil, será vetado o trecho do projeto que retira as contrapartidas dos estados.

 

O projeto do Executivo previsa essas contrapartidas, mas em troca do alongamento das dívidas e da suspensão temporária do pagamento das parcelas.

 

Após ser aprovado no Senado, o projeto que trata da renegociação das dívidas dos estados foi alterado na Câmara dos Deputados. A principal mudança realizada nesta etapa foi a retirada das contrapartidas propostas pelo governo para os entes federativos.

 

O ministério da Fazenda divulgou nesta quarta-feira (28) nota informando que a pasta continua trabalhando para encontrar uma solução que dê instrumentos aos ajustes fiscais necessários aos estados e que Temer resolveu vetar integralmente o capítulo 2, que cria o regime de recuperação fiscal dos estados e do Distrito Federal.

 

De acordo com o governo, a proposta inicial apresentada pelo Executivo foi descaracterizada no Congresso, e o veto é necessário para garantir o ajuste fiscal.

 

 

* O texto, o áudio e o título foram alterados às 20h31

 

 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique