Advogado de Temer diz que só delação não pode ser considerada como prova

02:32 Política, Notícias 24/05/2017 - 18h25 Brasília Embed

Solimar Luz

O advogado Antônio Cláudio Mariz de Oliveira, que defende o presidente Michel Temer, afirmou nesta quarta-feira (24), que delação premiada por si só não pode ser considerada como prova num processo.

 

Mariz deu a declaração durante palestra realiza nesta quarta-feira, no Centro Universitário de Brasília (Uniceub). De acordo com o advogado, delação é meio de prova, sendo necessário que sejam feitas investigações para saber a veracidade do conteúdo de uma delação.

 

Para Mariz, a causa da corrupção é o esfacelamento ético da sociedade. E que hoje há uma cultura punitiva, que transformou a sociedade numa sociedade do castigo.

 

O advogado ressaltou que é necessário obedecer os princípios que regem o direito penal. Mariz ressaltou ainda que é necessário observar o caráter e a intenção do delator.

Deseja fazer algum tipo de manifestação?

Favor copiar o link do conteúdo ao apresentar sua sugestão, elogio, denúncia, reclamação ou solicitação.