Manifestante que levou tiro no protesto do dia 24 ainda respira por aparelho

00:58 Política, Notícias 29/05/2017 - 14h48 Brasília Embed

Anna Luísa Praser

Ainda é grave o estado de saúde do manifestante atingido com um tiro nos protestos do último dia 24, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília. Carlos Giovani Cirilo, natural do estado de Minas Gerais, continua internado na UTI e respirando com a ajuda de aparelhos.


Nesta segunda-feira (29), pela manhã, ele passou por uma cirurgia que não teve complicações. Apesar da gravidade, Carlos continua estável.


O boletim médico divulgado pela Secretaria de Saúde traz informações de outras quatro pessoas que permanecem hospitalizadas. O estudante Vitor Rodrigues Fregulia, de 21 anos, que teve a mão dilacerada, por causa de explosão de uma bomba, ainda passa por avaliação médica diariamente.


Um morador em situação de rua, identificado apenas pelas inicias P.S.L  sofreu trauma cervical durante o conflito, apresenta um quadro estável e também segue passando por avaliações periódicas.


Outro paciente identificado como C.P.N.N, com lesão no olho, permanece estável, sendo avaliado a cada período. Um novo boletim médico deve ser divulgado na tarde de hoje.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique