Pezão faz maratona em gabinetes de Brasília para resolver dívida do Rio

02:54 Política, Notícias 11/05/2017 - 07h35 Brasília Embed

Victor Ribeiro

Você já contou quantas vezes o governador Luiz Fernando Pezão deu entrevistas, em Brasília, recentemente? Muitas, não é? Na noite dessa quarta-feira (10), na Câmara dos Deputados, o próprio Pezão conversou com a reportagem das Rádios EBC e fez as contas.


Nos últimos seis meses, ele passou mais tempo trabalhando na capital do país do que em Laranjeiras. O objetivo é aprovar o projeto de renegociação da dívida dos estados. 


Pezão peregrinou por Brasília com o pires na mão. Encontrou várias vezes a equipe econômica do governo federal, deputados, senadores e até outros governadores. Pezão avaliou que o resultado de gastar tanta saliva foi positivo. 


Somente nos quatro primeiros meses do ano, a Justiça bloqueou mais de R$ 3 bilhões das contas do estado do Rio. Agora, Luiz Fernando Pezão aposta que a agonia fiscal está com os dias contados. Pegue o calendário para anotar e acompanhar o cumprimento dos prazos. 


A primeira data é a votação do projeto no Senado. Ela já foi definida em uma conversa de Pezão com o presidente do Casa, Eunício Oliveira (PMDB). 


O segundo prazo é para regularizar os pagamentos de aposentadorias e salários dos servidores. 


Pezão anunciou uma terceira data: quando o Rio de Janeiro vai quitar a dívida com a União e tirar, de vez, a corda do pescoço. 


O governador espera que o movimento favorável em Brasília se reflita na Assembleia Legislativa do Estado do Rio (Alerj). 


Desde o ano passado, o Palácio Guanabara pena para aprovar na Alerj um pacote de medidas de corte de gastos e aumentar o caixa do governo.


Entre os motivos da crise estão a queda na arrecadação dos royalties de petróleo e a folha de pagamentos, que chega a 70% da receita corrente líquida do estado.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique