Senado instala CPI do BNDES; Joesley e Wesley Batista devem depor

01:30 Política, Notícias 03/08/2017 - 21h40 Brasília Embed

Samanta do Carmo

Em meio à votação da denúncia de corrupção passiva contra o presidente Michel Temer nesta quarta-feira na Câmara, o Senado instalou uma comissão parlamentar de inquérito para investigar a linha de financiamento do BNDES voltada para a internacionalização de empresas.

 

O principal objetivo da CPI, segundo o relator, senador Roberto Rocha, do PSB, é analisar os empréstimos feitos pelo BNDEs ao grupo J e F, dos irmãos Joesley e Wesley Batista. Roberto Rocha adiantou que eles devem ser convocados para prestar depoimento no Senado.

 

A CPI  foi proposta pouco dias depois da divulgação das gravações feitas por Joesley Batista com o presidente Michel Temer.

 

Além desta, existe aprovada no Congresso uma comissão mista, ou seja, envolvendo deputados e senadores, para investigar o mesmo tema e também o acordo de delação premiada firmado entre Joesley e o Ministério Público.

 

A comissão mista de inquérito ainda não foi instalada. As duas comissões foram propostas pela base de apoio ao governo.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique