CPMI da JBS vai se reunir na próxima semana; acordo de delação premiada é um dos focos da comissão

01:08 Política, Notícias 08/09/2017 - 12h25 Brasília Embed

Graziele Bezerra

A Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI)  instalada para investigar a relação entre o frigorífico JBS e o BNDES vai se reunir na terça-feira (12) e quarta-feira (13) da semana que vem para votar os primeiros requerimentos.

 

Além dos empréstimos concedidos pelo BNDES à JBS, o presidente da CPMI, senador Ataídes Oliveira, diz que os parlamentares também vão investigar o acordo de delação premiada firmado entre os acionistas da empresa e o Ministério Público Federal.

 

Os parlamentares querem convocar para depoimento o empresário Ricardo Saud, o advogado Marcelo Muller e os irmãos Joesley e Wesley Batista, além dos ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff; os ex-ministros José Eduardo Cardozo e Guido Mantega; e o ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha.

 

A CPMI ainda não tem um relator, que deve ser escolhido na próxima semana.

 

Os trabalhos da CPMI da JBS devem ser concluídos em até 120 dias.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique