Ministro Luiz Fux concede habeas corpus que impede extradição de Batisti

01:05 Política, Notícias 13/10/2017 - 20h49 Brasília Embed

Samanta do Carmo

O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal, concedeu, nesta sexta-feira (13), em caráter liminar, habeas corpus impedindo que o ativista político italiano Cesare Batisti seja extraditado.

 

Em 2010, o governo brasileiro concedeu asilo político para o italiano acusado de homicídio e condenado a prisão perpétua em seu país. O asilo foi confirmado pelo Supremo Tribunal Federal. No mês passado, temendo que a decisão fosse revista, a defesa de Batisti entrou com o pedido de habeas corpus.

 

Em sua decisão, o ministro indica que a extradição fica suspensa até que o STF julgue o pedido de Batisti, o que pode ocorrer no dia 24 de outubro.

 

No dia 5, Cesare Batisti teve a prisão preventiva decretada pela Justiça Federal no Mato Grosso do Sul, que argumentou haver fortes indícios de que ele sairia do país com quantidade de moeda estrangeira superior ao permitido pela legislação. No dia seguinte, o Tribunal Federal determinou a soltura de Batisti.