Justiça determina bloqueio de R$ 270 milhões em bens de Picciani, Melo e Albertassi

02:17 Política, Notícias 18/11/2017 - 11h35 Rio de Janeiro Embed

Cynthia Cruz

A decisão da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro  (Alerj) de mandar soltar os deputados Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi, tomada em votação no final da tarde dessa sexta-feira (17), foi seguida por outra decisão do Tribunal Regional Federal da 2ª Região de determinar o bloqueio dos bens dos três parlamentares, no valor total de quase R$ 271 milhões.

 

Jorge Picciani teve bloqueados pela Justiça R$ 154,4 milhões;  Paulo Melo teve bloqueio de R$ 108,6 milhões; e Edson Albertassi, R$ 7,6 milhões.

 

A determinação foi do desembargador federal Abel Gomes. Confira detalhes. 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique