Adriana Ancelmo deixa prisão e já está em seu apartamento, no Leblon

01:26 Política, Notícias 19/12/2017 - 14h36 Rio de Janeiro Embed

Cynthia Cruz

A mulher do ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral, Adriana Ancelmo, deixou a cadeia pública José Frederico Marques, em Benfica, na zona norte da capital, onde estava presa desde o último dia 23 pouco antes das 10h desta terça-feira (19) e seguiu direto para o apartamento dela no Leblon, na zona sul.


A autorização para que a ex-primeira dama voltasse a cumprir prisão domiciliar foi concedida pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes, nessa segunda-feira (18), que acolheu parte do habeas corpus impetrado pela defesa.


A advogada de Adriana, Aline Oliveira, afirmou que a defesa considerou muito justa a decisão, principalmente pelos filhos menores.


Em novembro, o Tribunal Regional Federal da 2ª Região determinou que a mulher de Cabral fosse transferida para o regime fechado.


Antes da decisão, ela cumpria medida cautelar de recolhimento domiciliar em seu apartamento por ter filhos menores de idade.


A ex-primeira dama foi condenada a mais de 18 anos de reclusão por associação criminosa e lavagem de dinheiro em um dos processos da Operação Calicute, da Polícia Federal, um dos desdobramentos da Lava Jato.


A força-tarefa da Calicute investiga desvio de recursos públicos em obras realizadas pelo governo fluminense com empreiteiras no Rio de Janeiro.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique