Temer diz que fará 'possível e impossível' para aprovar reforma da Previdência

00:16 Política, Sonoras 02/12/2017 - 16h02 São Paulo Embed

Sonora

Questionado sobre a reforma da Previdência, o presidente disse que vai fazer “o possível e o impossível” para votar a proposta ainda este ano. “Os presidentes da Câmara e do Senado estão muito entusiasmados em nome do Brasil, não em nome do Congresso.

 

Porque nós todos sabemos que a reforma, embora reduzida como ficou, traz uma grande economia. Isto significa uma economia, ao longo de 10 anos, de R$ 480 bilhões”, disse.

Temer contou que neste domingo (3) se reúne com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, e que vai trabalhar para ter os votos necessários até a próxima quinta ou sexta-feira para aprovar a reforma. “Acho que podemos sensibilizar [os deputados e senadores].

 

A sociedade já começa a compreender a importância da reforma da Previdência, especialmente porque ela não causa prejuízos aos mais carentes, ela só quebra os privilégios, mas isso já traz uma grande economia”, ressaltou. “Vamos fazer todos os esforços. Só se não tivermos votos, não levaremos a plenário”.

 

Temer falou à imprensa após a entrega de unidades habitacionais em Limeira, no interior de São Paulo.