Mantega e mais 12 viram réus na Operação Zelotes

01:41 Política, Notícias 13/03/2018 - 10h34 Brasília Embed

Danyele Soares

O ex-ministro da Fazenda Guido Mantega se tornou réu na Operação Zelotes. O juiz federal Vallisney Oliveira aceitou a denúncia contra o ex-ministro por suposto favorecimento da empresa Cimentos Penha.


Além de Mantega, outros 12 denunciados viraram réus.


De acordo com a denúncia do Ministério Público Federal (MPF), a Receita Federal (RF) autuou a empresa Cimentos Penha, do empresário Victor Sandri, por enviar mais de US$ 46 milhões a bancos sediados nos paraísos fiscais das Bahamas e do Uruguai.


Mesmo assim, a empresa recorreu ao Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), em 2007. Na primeira instância, conhecida como Câmara Baixa, foi negado o recurso.


Mas, a partir dessa decisão, uma suposta articulação criminosa teria atuado para garantir o sucesso da empresa nas instâncias superiores.


O êxito da organização criminosa dependia da indicação de nomes para posições estratégicas no Carf.


Segundo a denúncia, o então presidente do Carf, Otacílio Cartaxo, e Guido Mantega teriam patrocinado direta e indiretamente, ao darem respaldo para os nomes indicados pela organização criminosa.


A denúncia traz como provas intensa troca de e-mails entre os integrantes do esquema, com linguagem cifrada sobre a indicação dos nomes para ocuparem os cargos estratégicos do conselho.


A reportagem não conseguiu contato com a defesa do ex-ministro nem com a empresa de cimentos. Otacílio Cartaxo morreu em dezembro e, por isso, a denúncia contra ele não teve andamento.