Alerj aprova concessão de Medalha Tiradentes a Marielle Franco

01:09 Política, Notícias 12/04/2018 - 19h25 Rio de Janeiro Embed

Joana Moscatelli

A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro aprovou nesta quinta-feira a concessão da Medalha Tiradentes a vereadora Marielle Franco, assassinada no mês passado junto com o motorista Anderson Gomes.

 

O projeto de autoria do deputado estadual Marcelo Freixo concede a maior honraria do parlamento fluminense após sua morte. Eleita vereadora com mais de 46 mil votos, a quinta maior votação no Rio de Janeiro, a socióloga e mestre em Administração Pública Marielle tinha 38 anos.

 

Moradora da Maré, na Zona Norte do Rio de Janeiro, Marielle atuava na defesa das causas das mulheres e da população negra, pobre e LGBT. Antes da eleição, atuou na Comissão de Defesa dos Direitos Humanos da Alerj.

 

No dia 14 de março, quando voltava de um evento na zona central do Rio de Janeiro, Marielle foi assassinada a tiros. A Polícia ainda investiga os autores do crime e os motivos.

 

A morte de Marielle Franco repercutiu no mundo, com manifestações da população por vários dias nas ruas e muitas notícias divulgadas sobre o assassinato da vereadora no exercício de seu mandato.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique