OEA vai acompanhar eleições no Brasil pela primeira vez

02:05 Política, Notícias 22/08/2018 - 15h01 Brasília Embed

Danyele Soares

A Missão de Observação Eleitoral da Organização dos Estados Americanos (OEA) está no Brasil para coletar informações sobre o pleito de outubro.

 

Representantes do organismo internacional vão acompanhar, pela primeira vez, a disputa brasileira.

 

Em reunião com o presidente Michel Temer, a chefe da missão, Laura Chinchilla, informou como será o trabalho da comissão e agradeceu o convite do governo brasileiro para acompanhar o pleito.

 

Entre os aspectos que serão analisados estão: o financiamento de campanhas, a liberdade de imprensa, o acesso aos meios de comunicação e a participação política da mulher, dos povos indígenas, dos afrodescendentes e das pessoas com deficiência.

 

Questionada se a entidade tem alguma preocupação com o pleito, Laura Chinchilla afirmou que ainda "é muito cedo" para falar de aspectos específicos.

 

Quando perguntada sobre a situação do ex-presidente Lula, que pode ter o registro negado por ter sido condenado em segunda instância, a chefe da Missão de Observação evitou comentar. Disse apenas que o grupo busca, neste momento, informações sobre todo o pleito.

 

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), as Missões de Observação são mecanismos que pretendem aprimorar a cooperação para o aprofundamento da democracia.

 

As missões devem ocorrer de maneira objetiva, imparcial e transparente, e não têm como finalidade julgar a legitimidade de uma eleição, acrescentou a representante da OEA.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique