Recurso de Lula contra prisão deve ser julgado entre 7 e 13 de setembro no STF

01:09 Política, Notícias 28/08/2018 - 14h33 Brasília Embed

Sayonara Moreno

Entre 7 e 13 de setembro, os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) deverão votar, virtualmente, o pedido de habeas corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, apresentado pela defesa, em abril deste ano.

 

O recurso foi enviado depois que o plenário do STF negou um habeas corpus, antes de Lula ser preso, em abril. Com a liberação para votar os chamados embargos de declaração, o ministro Edson Fachin determinou que cada membro decida sobre o assunto e disponibilize o voto em ambiente virtual, no período agendado.

 

O pedido da defesa de Lula questiona se a prisão depois da condenação à segunda instância deveria mesmo ser automática. Isso porque, os advogados do ex-presidente argumentam que a ordem para que Lula fosse preso não teve fundamento adequado.

 

Lula foi condenado, em segunda instância, a 12 anos e um mês de prisão, por lavagem de dinheiro e corrupção passiva no caso do triplex do Guarujá. A condenação ocorreu no âmbito da Operação Lava Jato e Lula está preso cumprindo a pena desde abril na superintendência regional da Polícia Federal, em Curitiba.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique