Candidatos à presidência falam aos eleitores no último dia de campanha no rádio e na TV

01:21 Política, Notícias 26/10/2018 - 15h16 Rio de Janeiro Embed

Graziele Bezerra

O candidato do PSL à presidência da República aproveitou o último dia de campanha no rádio e na TV aberta para pedir a união do eleitorado e o combate às notícias falsas.

 

Ele também se auto intitulou uma ameaça aos corruptos e afirmou que sua imagem não corresponde com a divulgada pela campanha do opositor.

 

Fernando Haddad, presidenciável pelo PT, aproveitou o último dia de campanha para criticar o fato de seu opositor não participar de debates no segundo turno.

 

Por tradição, hoje (26) seria o último dia de debates na TV. O candidato petista também afirmou que está confiante em uma virada e na vitória nas urnas.

 

Hoje é o último dia de propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV.

 

No sábado (27), véspera das eleições, a legislação permite apenas propaganda “mediante alto-falantes ou amplificadores de som”, distribuição de material gráfico e a promoção de caminhada, carreata, passeata e carro de som.

 

No domingo (28), fica permitida manifestação individual e silenciosa da preferência do eleitor, e o uso de bandeiras, broches e adesivos. Mas arregimentar eleitores ou fazer propaganda de boca de urna no dia da votação é crime e quem for pego nessa situação poderá ser detido e multado.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique