Primeiros nomes da equipe de transição serão anunciados nesta quarta-feira

02:29 Política, Notícias 29/10/2018 - 19h59 Brasília Embed

Samanta do Carmo

Na próxima quarta-feira, o deputado Onyx Lorenzoni e futuro ministro do presidente eleito Jair Bolsonaro deve apresentar os primeiros nomes que irão compor a equipe de transição de governos.

 

Os detalhes sobre a transição foram divulgados na tarde desta segunda-feira, pelo atual ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha. Ele informou que o ministério já está trabalhando há cerca de 20 dias reunindo dados e tudo será repassado à equipe de Bolsonaro por meio de um sistema eletrônico acesso por celular.

 

Uma das informações que estará disponível são quais as medidas o novo governo precisa tomar nos primeiros 120 dias para evitar descontinuidade de programas em andamento. 

 

Para solicitar informações, quem terá poder será o coordenador da equipe, mas ele poderá delegar esta autoridade para outras quatorze pessoas, que terão cargos equivalentes ao topo da carreira de servidor público federal, como explicou Padilha.

 

Padilha também adiantou o tamanho da equipe que deverá ser composta por Bolsonaro em janeiro. De acordo com o atual ministro da Casa Civil, ele terá no mínimo entre 8 e 10 mil cargos comissionados logo de início, mas outros cerca de 10 mil estão atualmente ocupados por servidores de carreira e poderão ser substituídos.

 

A estrutura da transição será no Centro Cultural Banco do Brasil, em Brasília. O próprio banco mobiliou os 22 gabinetes que estarão à disposição da equipe de Bolsonaro e equipou os 78 pontos de trabalho.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique