No Twitter, Bolsonaro diz que governo deve rever valor do auxílio-reclusão

01:12 Política, Notícias 04/01/2019 - 09h55 Brasília Embed

Kariane Costa

No Twitter, o presidente Jair Bolsonaro anunciou que o governo deve revisar o valor do auxílio-reclusão pago pelo INSS aos dependentes dos presos.

 

De acordo com Bolsonaro, a decisão de rever o valor do beneficio foi tomada durante a reunião ministerial dessa quinta-feira (3).

 

Hoje, o auxílio-reclusão é de R$ 1.319, mas pode ser maior, dependendo do cálculo do INSS.  Além disso, a duração do benefício é variável e depende da idade da pessoa vinculada ao presidiário na data da prisão.

 

O presidente lembrou que o valor é superior ao salário mínimo, que é de R$ 998. Bolsonaro ainda lembrou que essa questão tem sido ignorada, quando se trata de reforma da Previdência, e que esse é um dos caminhos para desinchar o Estado.

 

Para ter direito ao beneficio, que está previsto na Constituição, o preso, em regime fechado ou semiaberto, deve estar contribuindo regularmente com o INSS no momento da prisão. 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique