Mourão: Bolsonaro mostrará em Davos que não é “Átila, o Huno”

01:15 Política, Notícias 22/01/2019 - 08h49 Brasília Embed

Priscilla Mazenotti

O presidente em exercício, o general Hamilton Mourão, disse que Jair Bolsonaro vai mostrar no discurso de hoje à tarde no Fórum Econômico Mundial, que não é “Átila, o Huno”, numa referência ao conquistador da Europa do século quinto, conhecido por ser um bárbaro e cruel. Segundo Mourão, o discurso de até 45 minutos de Bolsonaro hoje deverá tratar das reformas da área econômica, um discurso mais econômico, e da reforma da Previdência.


Mourão informou que conversou rapidamente com o presidente por mensagem de celular. O presidente em exercício disse que ouviu a seguinte recomendação de Bolsonaro durante esse período de substituição no comando do país: “Prudência e caldo de galinha”.


Aliás, Mourão teve agenda ontem (22), no primeiro dia como presidente em exercício, inclusive despachou no seu gabinete na vice-presidência. Bem humorado, avaliou que a segunda feira foi de problemas e comentou sobre a vitória do time dele, o Flamengo, e a derrota do Botafogo no dia anterior.


Hoje, Mourão estará no Rio de Janeiro, participando da solenidade de passagem de comando do 2º Regimento de Cavalaria de Guarda.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique