Governo estuda privatizar nove estatais, entre elas Correios e Porto de Santos

02:22 Política, Notícias 22/08/2019 - 09h09 Brasília Embed

Victor Ribeiro

O governo federal confirmou nessa quarta-feira (22) a intenção de privatizar pelo menos mais nove empresas estatais. Ao todo, são 117 iniciativas, entre privatizações, concessões e parcerias com a iniciativa privada.

 

A expectativa da equipe econômica é de movimentar R$1,3 trilhão.


O secretário especial de Desestatização e Desinvestimento do Ministério da Economia, Salim Mattar, afirmou que o governo quer reduzir o tamanho do Estado, para concentrar investimentos em áreas como educação e infraestrutura.

 

Após a 10ª reunião do PPI, Programa de Parcerias de Investimentos, a decisão é que mais três estatais certamente serão privatizadas. ABGF, Agência Brasileira Garantidora de Fundos; Emgea, Empresa Gestora de Ativos; e Ceitec, Centro de Excelência em Tecnologia Eletrônica Avançada.


Outras seis empresas estatais passarão por estudos conduzidos pelo BNDES e pela Secretaria do PPI, para definir se serão privatizadas, concedidas ou farão parcerias. São elas: Correios; Telebras; Porto de Santos; Serpro, Serviço Federal de Processamento de Dados; Dataprev, Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social; e Ceagesp, Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo.


O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, explicou que o que será avaliado nesses estudos levará em consideração a modelagem de cada estatal.

 

O governo ainda precisa de autorização do Congresso Nacional para concretizar todas essas privatizações.

 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique