Ministro substituto não pode usar avião da FAB, diz Bolsonaro

02:16 Política, Notícias 06/02/2020 - 15h50 Brasília Embed

Sayonara Moreno

Depois da exoneração do secretário executivo da Casa Civil, Vicenti Santini, que utilizou aeronave da Força Aérea Brasileira (FAB), o presidente Jair Bolsonaro voltou a falar no assunto e foi taxativo ao dizer que esse veículo só pode ser usado por ministros titulares e não pelos substitutos.

 

A declaração foi nesta quinta-feira (6), durante conversa com jornalistas ao deixar o Palácio da Alvorada.

 

No fim de janeiro deste ano, Vicenti Santini foi exonerado após utilizar um avião da FAB para viajar da Suíça até a Índia, onde se reuniu com a comitiva presidencial. Na época, Santini estava na função de ministro interino da Casa Civil, enquanto cobria as férias do titular Onyx Lorenzoni.

 

Também nesta quinta, Bolsonaro voltou a falar sobre o preço dos combustíveis. Ele sugeriu mudanças no ICMS, imposto dos estados, sobre os produtos.

 

A Petrobras voltou a reduzir em mais de 4% o preço da gasolina e do diesel nas refinarias, a partir desta quinta.

 

O presidente também citou que pode sancionar, até esta sexta-feira (7), o projeto de lei aprovado no Congresso Nacional, que regulamenta as medidas a serem tomadas no país, no caso de emergência de saúde pública, provocada pelo novo coronavírus.

 

Segundo Bolsonaro, a ideia é tornar lei o texto antes da chegada dos brasileiros repatriados de Wuhan, prevista para o próximo sábado (8).

 

* Matéria atualizada às 18h29 de 06/02/2020 para correção de informação.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique