Fiocruz retoma venda de vacina contra a febre amarela para outros países

00:00 Saúde, Notícias 26/10/2019 - 15h02 Brasília Embed

Apresentação de América Melo

Após três anos de interrupção, o Brasil retomou a exportação da vacina contra febre amarela.

 

A Fiocruz, Fundação Oswaldo Cruz , retomou a capacidade instalada para atender 100% a demanda interna e fornecer a vacina para outros países.

 

Entre 2017 e 2018, o país suspendeu a venda da vacina para voltar toda sua produção à população brasileira, que passava por surto da doença.

 

Outro importante fator que impulsionou essa retomada foi a aprovação da lei que determina que os recursos adquiridos com a exportação da vacina retornem exclusivamente à Fiocruz.

 

A decisão vai permitir o reinvestimento na produção dessa e de outras vacinas, além de pesquisas.

 

O Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos da Fiocruz, vai fornecer, entre 2019 e 2020, 23 milhões da vacina para a Organização Pan Americana de Saúde (OPAS) e Unicef.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique