Força-tarefa realiza teste rápido para diagnóstico de sífilis, em Manaus

002:45 Saúde, Notícias 21/09/2019 - 19h21 Brasília Embed

Márcia Dias

Em Manaus, no Amazonas, a Fundação de Medicina Tropical, realiza uma força-tarefa para realização de testes rápidos para diagnóstico de Sífilis, nesta terça-feira.

 

A doença tem crescido no estado. Entre janeiro e julho deste ano, foram notificados 737 casos na Fundação de Medicina Tropical. O número representa um aumento de 14,8%, se comparado com o mesmo período de 2018.

 

A doença é transmitida por relação sexual desprotegida e geralmente tem manifestação discreta nas primeiras fases. Se não for tratada, pode causar comprometimento neurológico e cardiológico, podendo até matar. É o que alerta o Gerente do Ambulatório da Fundação de Medicina Tropical, Kim Machado.

 

No caso de gestantes, é importante que a grávida receba a medicação e que o parceiro dela também faça o tratamento, pois a sífilis na gestação pode provocar sérias complicações para a criança.

 

O uso de camisinha é a melhor forma de se prevenir contra a sífilis e outras doenças sexualmente transmissíveis.

 

A programação da força-tarefa ocorre nesta terça-feira, em alusão ao dia de combate à sífilis, na sede da Fundação de Medicina Tropical, que fica na avenida Pedro Teixeira, no bairro Dom Pedro, em Manaus.

 

Das nove horas da manhã às três da tarde também haverá orientações sobre prevenção às infecções sexualmente transmissíveis, distribuição de preservativos e encaminhamentos para outros exames, quando necessário.

 

Além do atendimento na Fundação de Medicina Tropical, o teste rápido para detecção da Sífilis pode ser feito a qualquer época do ano nos Centro de Testagem e Aconselhamento de Manaus e no interior.

 

O diagnóstico pode ser conhecido em menos de 30 minutos, com apenas uma gota de sangue. O tratamento para a doença é baseado na penicilina, que está disponível na rede pública de saúde.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique