Unidades de saúde do DF administradas por instituto implantam sobreaviso médico

01:51 Saúde, Notícias 06/11/2019 - 09h45 Brasília Embed

Évelyn Cabral

Unidades de saúde que estão sob comando do Iges, o Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal, passaram a ter médicos de sobreaviso a partir dessa terça-feira (5).

 

A ideia é que esses profissionais substituam os faltosos. A medida também quer aumentar o atendimento em horário de pico e em situações emergenciais.

 

O diretor-presidente do Iges, Francisco Araújo, explica como vai funcionar o trabalho dos médicos de sobreaviso. Segundo ele, na prática, "em qualquer unidade que o profissional, por algum motivo, não possa comparecer ao trabalho, o dirigente daquele órgão, hospital ou UPA, acionará as pessoas que estão de sobreaviso."

 

A resolução do Iges considera em sobreaviso o empregado que, mesmo à distância permaneça em regime de plantão, aguardando a qualquer momento o chamado para o serviço durante o período de descanso.

 

Segundo Francisco Araújo, as unidades de saúde pública que vão receber os médicos de sobreaviso são: Hospital de Base, Hospital Regional de Santa Maria e Unidades de Pronto Atendimento.

 

O presidente do Sindicato dos Médicos do Distrito Federal, Gutemberg Fialho, conta como a instituição avalia essa nova resolução. "Se essa resolução de sobreaviso for no sentido de ter um colega disponível para assumir um plantão, quando do impedimento do titular, está perfeito."

 

Ainda segundo Francisco Araújo, esta é a primeira resolução de médicos de sobreaviso na rede pública de saúde, em toda a América Latina.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique