Estados terão mais 1,4 mil leitos de UTIs custeados pelo SUS

01:57 Saúde, Notícias 14/01/2020 - 15h57 Brasília Embed

Lucas Pordeus Leon

O Ministério da Saúde autorizou o credenciamento de mil e 424 novos leitos de UTIs em todo o Brasil. O investimento liberado é de mais de R$185 milhões.

 

Segundo o ministério, com as autorizações, todos os pedidos até 2018 pelos estados foram atendidos. Atualmente, o Sistema Único de Saúde conta com 23 mil leitos de UTIs para adultos ou crianças.

 

A maioria das salas de UTIs credenciadas é no Sudeste, com 300 leitos, seguido pelo Nordeste, com 297 UTIs autorizadas.

 

Especialista em terapia intensiva, o médico Ivan Batista Coelho, consultor da Abrasco, a Associação Brasileira de Saúde Coletiva, comenta que esse recurso vai ajudar no custeio de leitos que já foram construídos pelos estados.

 

O especialista destaca que, apesar dos leitos credenciados, o usuário do SUS ainda tem menos UTIs do que quem tem planos privados. O consultor da Abrasco diz que a desigualdade é maior se compararmos as UTIs presentes nas capitais com as do interior dos estados. 

 

As Unidades de Terapia Intensiva atendem pessoa em estado grave que precisam de monitoramento 24 horas por dia e a diária em custa, em média, R$4 mil.

 

A criação de novos leitos de UTI deve ser solicitada pelos gestores locais de saúde. E a liberação dos recursos é feita após apresentação de projeto, que é analisado pelo Ministério da Saúde.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique