Criança indígena é diagnosticada com meningite em Rondônia; outros dois casos são suspeitos

01:37 Saúde, Notícias 17/02/2020 - 10h06 Brasília Embed

Michele Moreira

O Hospital Regional de Vilhena, em Rondônia, diagnosticou uma criança com meningite nesse final de semana.

 

O caso em questão é de uma criança indígena que mora há cerca de 20 quilômetros do centro do município. Na mesma tribo, há outro caso que ainda está sob investigação.

 

Uma terceira suspeita é de um aluno da rede particular de ensino da zona urbana da cidade. A previsão é que o resultado do exame saia nesta segunda-feira (17).

 

A Prefeitura de Vilhena afirmou que as três crianças já foram medicadas e todos que tiveram contato com elas receberam medicação preventiva.

 

A Secretaria municipal de Saúde recomenda que as crianças que apresentem sintomas de gripe e conjuntivite evitem locais de aglomeração. Isso vale também para escolas e creches.

 

Os responsáveis devem buscar atendimento nos postos de saúde.

 

A meningite é uma inflamação das meninges, membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal. Pode ser causada por vírus ou por bactéria, que é mais grave.

 

Os sintomas da meningite incluem início súbito de febre, dor de cabeça e rigidez do pescoço.

 

Podem ainda estar aliados a mal estar, náusea, vômito, aumento da sensibilidade à luz e estado mental alterado.

 

Em recém-nascido é bom observar se ele está irritado, vomitando ou lento na hora de responder a estímulos.

 

O risco de contrair meningite é maior entre crianças menores de cinco anos.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique