Desafio da rasteira pode causar traumatismo craniano e danos permanentes à coluna

02:35 Saúde, Notícias 13/02/2020 - 19h18 Brasília Embed

Dayana Vitor

O desafio da rasteira, ou quebra-crânio, que circula em vídeos na internet e está atraindo muitas crianças e adolescentes, pode levar ao traumatismo craniano e danos irreversíveis à coluna, de acordo com a Sociedade Brasileira de Neurocirurgia. Além disso, pode provocar lesões nas articulações e nos tornozelos.


Na brincadeira de mau gosto, três pessoas pulam e as duas da ponta passam uma rasteira na do meio, para que ela caia. Na queda, o impacto sempre provoca micro lesões na coluna, como explica o ortopedista especialista em coluna, Walbron Steckelberg.


“Na queda a cabeça vai e volta. Mesmo sem bater, você está lesando a coluna cervical. É como se a sua coluna fosse para a frente e volta para trás em ricochete”.


Essa nova trolagem, gíria que significa tirar sarro de alguém, começou quando um youtuber divulgou o desafio da rasteira que ele fez com a mãe dele na internet. Depois do vídeo tornar-se viral, o influenciador reconheceu que a brincadeira é perigosa e pode levar até a morte.

“O vídeo parece ser engraçado, mas vocês sabiam que eu podia ter perdido minha mãe por causa dessa brincadeira? Ela poderia ter batido a cabeça e sofrido traumatismo craniano ou qualquer outra lesão irreversível para a vida dela. Por isso estou muito arrependido de ter postado esse vídeo. Em nenhum momento eu pensei que ele seria um viral dessa proporção”.


O assunto do desafio chegou às escolas e dentro das casas das famílias. Algumas instituições de ensino já fizeram reuniões com os responsáveis pelos alunos para expor o perigo desse passatempo. Porém, o mais importante é que os pais ensinem a empatia e o respeito ao próximo, como orienta a pedagoga Erika Radespiel.


“As escolas têm emitido comunicados aos pais reforçando que o assunto vai ser tratado em sala de aula e momentos coletivos de aprendizagem, mas é importante que a família converse. Porque é no âmbito familiar que essas questões podem ser tratadas com mais proximidade”.


De acordo com a Sociedade Brasileira de Neurocirurgia, os responsáveis pela brincadeira de mau gosto podem responder penalmente por lesão corporal grave e até homicídio culposo.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique