agario unblocked agario - yohoho - agario - agario - slitherio

Também na Agência Brasil

Subscrever feed Também na Agência Brasil
A Agência Brasil é a agência de notícias da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), que distribui gratuitamente informações de interesse público. As notícias podem ser reproduzidas desde que citada a fonte.
Atualizado: 4 minutos 24 segundos atrás

PF cumpre 6 mandados de prisão contra fraudes em contratações na saúde

qui, 06/08/2020 - 07:43

Policiais federais cumprem hoje (6) seis mandados de prisão e onze de busca e apreensão no Rio de Janeiro, São Paulo, Goiás e Distrito Federal. Os alvos são empresários e agentes públicos suspeitos de fazer contratações irregulares para serviços públicos, especialmente na área da saúde. Até as 7h de hoje, três pessoas já tinham sido presas, de acordo com a Polícia Federal (PF).

Os mandados da operação Dardanários estão sendo cumpridos nas cidades de Petrópolis (RJ), Goiânia, Brasília, São Paulo e São José do Rio Preto (SP). A investigação é um desdobramento das operações Fatura Exposta, Calicute e SOS, que tiveram o ex-governador Sérgio Cabral e gestores de seu governo (2007 a 2014) como investigados.

Os investigados responderão pelos crimes de corrupção, peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa, e após procedimentos de praxe, serão encaminhados ao sistema prisional e ficarão à disposição da justiça.

Os mandados judiciais, expedidos pela 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, estão sendo cumpridos pela Delegacia de Repressão a Corrupção e Combate a Crimes Financeiros (Delecor), com apoio do Ministério Público Federal (MPF).

Defesa Civil reconhece situação de emergência em municípios de MS

qui, 06/08/2020 - 06:26

Os incêndios florestais que atingem algumas regiões do estado de Mato Grosso do Sul levam a Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, órgão do Ministério do Desenvolvimento Regional, a reconhecer situação de emergência nos municípios de Corumbá e Ladário.

A medida consta da Portaria nº 2.127, de 5 de agosto de 2020, publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (6).

Equipes do Ministério do Meio Ambiente e das Forças Armadas já atuam na região desde o fim de julho a pedido do governador do estado, Reinaldo Azambuja, que declarou estado de emergência ambiental por 180 dias.

O governador determinou também a suspensão de autorizações para queimadas controladas no estado. Segundo o governo estadual, os maiores focos de calor são ao longo do Rio Pantanal, próximo às cidades de Corumbá e Ladário.

As equipes federais trabalham em conjunto com o Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar Ambiental. A iniciativa é coordenada pela Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro).

 

 

 

 

Senai ensina indústrias a produzirem EPI contra novo coronavírus

qui, 06/08/2020 - 06:03

Com suas rotinas afetadas pela pandemia de covid-19, 600 indústrias nacionais se candidataram e foram selecionadas para aprender a produzir equipamentos de proteção individual (EPI) contra o novo coronavírus. A consultoria ocorre em um treinamento online, oferecido pelo Edital de Inovação do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

Na semana passada, o Senai anunciou 350 empresas na segunda chamada do projeto, que vai ensinar especificações técnicas e normas que garantam a eficácia de produtos como máscaras, álcool em gel e aventais hospitalares. Elas se juntam às 250 que já haviam sido treinadas a partir da primeira chamada, realizada em junho. Entre as novas selecionadas, há indústrias de 20 estados, e 280 são empresas de micro ou pequeno porte.

O diretor-geral do Senai, Rafael Lucchesi, conta que empresas de setores com processos produtivos próximos compõem grande parte das selecionadas, como indústrias têxteis e de confecção, que têm maior facilidade de se preparar para produzir máscaras, por exemplo.

"No caso do álcool em gel, que é um dos itens importantes, temos situações interessantes, como uma empresa que produzia aguardente, uma cachaçaria, que viu uma oportunidade e até um apelo. Havia um problema claro de abastecimento, e eles tiveram papel decisivo", disse o diretor do Senai, que se referiu à cachaçaria Jiboia, do Acre, uma das participantes da primeira etapa.

O treinamento online terá oito horas de duração, em que os consultores ajudam na elaboração de um plano de ação, orientam sobre exigências regulatórias e ensinam a adequação do novo processo produtivo às instalações industriais já existentes.

A maioria das empresas selecionadas, 189 das 350, deve produzir máscaras de uso comum, e 33 ofertarão máscaras cirúrgicas. Também estão previstas consultorias para a produção de escudos faciais de acetato em 21 empresas, e de álcool em gel, em sete.

Lucchesi acredita que a pandemia de covid-19 mudou a percepção internacional sobre a prioridade de garantir uma oferta local de itens, como máscaras e respiradores. "O mundo tende a não ficar refém de um item crítico na agenda sanitária, como um fármaco ou respirador. Vai haver uma preocupação maior de ter uma segurança doméstica na agenda sanitária".

Apesar da busca por reduzir a dependência de importações, o diretor do Senai avalia que a discussão sobre a eficiência produtiva se mantém. "É uma questão de soberania, e é uma questão de gerar empregos e gerar melhores empregos. Nenhum país se desenvolveu sem apostar em indústrias".

Ao mesmo tempo, ele avalia que a produção de EPI pôde oferecer um alento a algumas empresas de setores mais atingidos, como o de confecções. "A reconversão produtiva ajudou muitos empresários a se manterem ativos, e, com isso, salvar a empresa e empregos".

Treze avança e garante clássico de Campina Grande na final paraibana

qui, 06/08/2020 - 01:03

O Clássico dos Maiorais, como é conhecido o duelo entre os principais clubes de Campina Grande (PB), decidirá o Campeonato Paraibano deste ano. Nesta quarta-feira (5), o Treze se garantiu na final ao vencer o Botafogo de João Pessoa por 2 a 0, devolvendo o placar da partida de ida, e classificando-se nos pênaltis. Na final, o Galo da Borborema terá pela frente o Campinense, maior rival. As datas e horários das partidas ainda serão anunciadas pela Federação Paraibana de Futebol (FPF).

        Ver essa foto no Instagram                  

No aniversário da Paraíba, venceu o maior do estado! Parabéns, Paraíba! Parabéns para a Maior Torcida da Paraíba! O Treze Futebol Clube está na grande final do Campeonato Paraibano 2020! 📸@cassiano13fc #TrezeFC #TrezeFutebolClube #GaloDaBorborema #MaiorTorcidaDaParaíba #CampeonatoParaibano #2020 #TV13

Uma publicação compartilhada por Treze Futebol Clube (de 🏡) (@trezefcoficial) em 5 de Ago, 2020 às 8:08 PDT

O zagueiro Fred, contra, e o atacante Ermínio balançaram as redes no tempo normal para o Treze, que atuou em casa. Na disputa de pênaltis, o lateral Kellyton, do Botafogo, teve a cobrança defendida pelo goleiro Jefferson. O zagueiro Nilson Júnior, do Galo, bateu a penalidade decisiva, que definiu o placar em 5 a 4.

O Treze volta a uma final três anos após o vice-campeonato de 2017. A equipe alvinegra, dona de 15 títulos paraibanos, não conquista o Estadual desde 2011. Com a classificação à decisão, o Galo ainda se garantiu na Copa do Brasil do ano que vem, assim como o Campinense, que, na terça-feira (4), passou pelo Sousa, também nas penalidades.

Enquanto o Treze aguarda a confirmação de quando fará as finais do Paraibano com o Campinense, o Botafogo volta as atenções para a Série C do Campeonato Brasileiro. O Belo estreia no domingo (9), às 20h (de Brasília), contra o Ferroviário, em Fortaleza.

Chapecoense e Brusque se classificam para final do Catarinense

qui, 06/08/2020 - 00:57

Chapecoense e Brusque são os finalistas do Campeonato Catarinense, e decidirão o título em duas partidas, com datas e horários que serão anunciados pela Federação Catarinense de Futebol (FCF). O Verdão do Oeste, que alcança a decisão pela quinta temporada seguida, superou o Criciúma nos pênaltis, enquanto o Quadricolor, que retorna à final estadual após 28 anos, deixou para trás o Juventus, de Jaraguá do Sul (SC).

A vaga do Brusque foi a primeira a ser consolidada nesta quarta-feira (5). Com a vantagem de ter ganhado fora de casa por 3 a 2, a equipe conteve a pressão do Juventus, que acertou uma bola no travessão no primeiro tempo, e segurou o empate por 0 a 0.

        Ver essa foto no Instagram                  

Brusque empata e garante vaga na final após 28 anos! Na noite desta quarta-feira (5), o Brusque FC enfrentou o Juventus, às 19h30, no estádio Augusto Bauer, em jogo válido pela semifinal do estadual. O Brusque entrou na partida com a vantagem de avançar para a final com um empate, mas nem por isso abriu mão de buscar o gol. Aos seis minutos, Rodolfo cobrou falta e a bola explodiu na barreira. Aos 23 minutos, Edu cruzou rasteiro para Thiago Alagoano, que não chegou a tempo de finalizar. Em nova falta, aos 28, Zé Mateus cobrou por cima do gol. Aos 32, Edilson recebeu livre na direita, cruzou para Edu, que ajeitou para Thiago Alagoano, que finalizou pra fora. Aos 43, a grande chance do primeiro tempo. Thiago Alagoano, em contra-ataque, finalizou na trave, no rebote, Edu, livre, finalizou por cima do gol. Já no segundo tempo, logo aos nove minutos, Edu finalizou para defesa do goleiro. Na sequência, Marco Antônio cruzou para Edilson, que arrumou para Edu, que finalizou pra fora. Nos 26, Rodolfo cobrou a falta por cima do gol. O Brusque seguiu em busca de aumentar o placar, mas o jogo terminou empatado. Brusque 0x0 Juventus! Após 28 anos, o Brusque está na final do Campeonato Catarinense! Fotos: Lucas Gabriel Cardoso/Brusque FC

Uma publicação compartilhada por Brusque Futebol Clube (@brusqueoficial) em 5 de Ago, 2020 às 5:51 PDT

Enquanto espera a definição de quanto disputará as finais e brigará pelo título que não vem desde 1992, o time quadricolor terá pela frente a Série C do Campeonato Brasileiro. A estreia é neste sábado (8), às 17h (de Brasília), contra o Ypiranga de Erechim (RS), em casa.

Já em Criciúma, o time da casa precisou de só quatro minutos para devolver o placar do jogo de ida, quando perdeu por 1 a 0 para a Chapecoense. Após cruzamento do atacante Jajá, o volante Foguinho apareceu às costas da zaga e, de carrinho, mandou para o gol.

A vitória do Tigre por 1 a 0 no tempo normal levou a decisão para os pênaltis. O lateral Ezequiel perdeu a primeira cobrança da Chapecoense, mas o goleiro João Ricardo salvou (com o rosto) a batida de Foguinho e o atacante Jean Lucas mandou a bola no travessão. Coube ao atacante Anselmo Ramon o chute que fechou o placar em 4 a 2 para o Verdão.

        Ver essa foto no Instagram                  

FAMÍLIA CHAPE! 🏹⚽💚 ⠀ Eu já vi foto pesada, mas essa aqui tá de parabéns! ⠀ 📷 Márcio Cunha/ACF ⠀ #VamosChape #OrgulhoDeSerChape

Uma publicação compartilhada por Chapecoense (@chapecoensereal) em 5 de Ago, 2020 às 8:06 PDT

Campeã em 2016 e 2017, a Chape ficou com o vice-campeonato nas duas últimas edições do Catarinense. Nesta década, será a sétima final do clube de Chapecó (SC), que volta as atenções para a Série B. A equipe joga neste domingo (9), às 11h (de Brasília), contra o Oeste, em Barueri (SP). O Criciúma estreia na próxima segunda-feira (10) na Série C, diante do Londrina, fora de casa.

Baiano: Alagoinhas segura empate com Bahia no primeiro jogo da final

qui, 06/08/2020 - 00:44

O Atlético de Alagoinhas e o Bahia iniciaram nesta quarta (5) a disputa da decisão do Campeonato Baiano. Porém, os primeiros 90 minutos, disputados no estádio do Pituaçu (Salvador), terminaram com um empate em 0 a 0.

O Bahia, que vinha de derrota na final na Copa do Nordeste na última quarta (4), não apresentou um bom futebol, dando demonstração de que o esforço feito para disputar duas competições ao mesmo tempo está pesando.

Desta forma, o futuro campeão do Baiano permanece totalmente indefinido. E tudo será decidido apenas no próximo sábado, quando as duas equipes voltam a se encontrar no estádio do Pituaçu, a partir das 16h30 (horário de Brasília).

Salgueiro faz história, bate Santa Cruz e leva título pernambucano

qui, 06/08/2020 - 00:26

Pela primeira vez desde sua primeira edição, em 1915, o Campeonato Pernambucano tem um campeão de fora da capital Recife. Nesta quarta-feira (5), o Salgueiro fez história ao superar o Santa Cruz nos pênaltis, depois de um empate sem gols no tempo normal, no Colosso do Arruda, e levar o título para o município de Salgueiro (PE), no sertão do estado.

O Carcará havia batido na trave duas vezes, em 2015 (caindo para o próprio Santa Cruz) e 2017 (superado pelo Sport). Porto e Central, ambos de Caruaru (PE), também representaram o interior de Pernambuco em finais estaduais, mas sem conquistar o histórico título alcançado pelo Salgueiro.

Na partida de ida, no interior, as equipes empataram por 1 a 1. Para o jogo de volta, só a vitória interessava às equipes. O Santa Cruz até balançou as redes aos 12 minutos da primeira etapa, com o meia Jeremias, que finalizou após um cruzamento do lateral Fabiano. O auxiliar Clóvis Amaral, porém, assinalou impedimento no momento no qual Fabiano recebeu passe do atacante Pipico, pela esquerda. O lateral estava em posição legal.

Daí em diante, cada time teve uma boa chance. Aos 33 minutos, o meia Renato Henrique assustou o Santa em um chute que passou rente à trave do goleiro Maycon. A resposta veio no lance seguinte, com Jeremias, que arrematou de fora da área e obrigou Tanaka a se esticar para salvar o Salgueiro.

O jogo continuou truncado no segundo tempo. Na melhor oportunidade, o Tricolor da capital parou outra vez em Tanaka. Aos 32 minutos, o goleiro do Carcará fez uma grande defesa em chute do meia Didira, na grande área. Com pouca inspiração de ambos os lados, a decisão do título foi para os pênaltis.

Na marca da cal, a pontaria mais calibrada dos jogadores do Salgueiro fez diferença. O zagueiro Ranieri, do Carcará, teve o chute defendido por Maycon, mas o atacante Victor Rangel e o volante André desperdiçaram as cobranças pelo Santa Cruz. Coube ao atacante Muller Fernandes balançar as redes no arremate final, fechar a disputa em 4 a 3 e sacramentar o título histórico para o time do sertão. Já o Tricolor da capital se despediu como vice-campeão invicto.

O Santa volta a jogar neste sábado (8), às 17h (horário de Brasília), contra o Paysandu, em Belém, na estreia pela Série C do Campeonato Brasileiro. O Salgueiro, que disputa a Série D, só vai a campo em setembro, contra o Guarany de Sobral (CE), fora de casa.

Mineiro: Atlético derrota América e está na final

qui, 06/08/2020 - 00:16

Com um futebol eficiente, o Atlético-MG superou o América-MG por 3 a 0 na noite desta quarta (5) e garantiu a classificação para a final do Campeonato Mineiro. Seu adversário na grande decisão será o Tombense.

FIM DE JOGO NO HORTO! ATLÉTICO VENCE O AMÉRICA, POR 3 A 0, E AVANÇA PARA A FINAL DO CAMPEONATO MINEIRO PELA 14ª VEZ CONSECUTIVA!

⚽ Gols de @rever4oficial, Marrony e @QSavarino10!

🆚 O adversário na decisão do Estadual será o Tombense.

Vamos, #Galo! #AFCxCAM 🏴🏳️ pic.twitter.com/Iot4yMEWA8

— Atlético 😷 (@Atletico) August 6, 2020

A equipe comandada pelo técnico argentino Jorge Sampaoli chegou com certa tranquilidade à partida, pois no jogo de ida da semifinal havia vencido por 2 a 1.

Com a bola rolando, o que se viu nos primeiros minutos foi uma disputa muito dura, com pouca qualidade técnica. Isto fez com que a igualdade no marcador perdurasse até o intervalo.

No segundo tempo as equipes voltaram sem mudanças de jogadores, mas o Atlético começou a atuar de forma diferente, transformando em gols as oportunidades que surgiram.

O primeiro saiu aos 10 minutos da etapa final, quando, após cobrança de escanteio de Savarino, o zagueiro Réver cabeceia com força para vencer o goleiro Airton.

O segundo veio aos 27, e foi um golaço. Savarino enfia a bola em profundidade para Marrony. O jovem atacante vê o goleiro Airton avançar para fechar seu ângulo. Ele então recua um pouco e bate por cobertura para marcar o mais bonito da noite.

E quem fecha o marcador é justamente o venezuelano Savarino, que chuta cruzado para ver a bola passar entre as pernas do goleiro adversário.

Com a vitória o Atlético chegou à final do Mineiro, onde enfrenta o Tombense nos dias 26 e 30 de agosto (locais e horários ainda serão definidos).

TEM QUE RESPEITAR! 👊🏽 14ª FINAL CONSECUTIVA! 🏴🏳️ Vaaaamos, #Galo! pic.twitter.com/odfsYCjRMk

— Atlético 😷 (@Atletico) August 6, 2020

Corinthians e Palmeiras abrem final do Paulista com empate sem gols

qua, 05/08/2020 - 23:49

O placar não saiu do zero no primeiro embate da final do Campeonato Paulista. Nesta quarta-feira (5), Corinthians e Palmeiras fizeram um jogo de poucas emoções na Arena de Itaquera e deixaram a decisão aberta para a partida de volta, no sábado (8), às 16h30 (horário de Brasília), no Allianz Parque.

Fim de jogo: Corinthians 0 x 0 Palmeiras.

A finalíssima do Paulista acontece no sábado em casa! Mais do que nunca, #SeguimosJuntos! 👊#AvantiPalestra #CORxPAL pic.twitter.com/27YTQmFhn9

— SE Palmeiras (de 😷) (@Palmeiras) August 6, 2020

Só a vitória interessa para qualquer um dos lados. Em caso de empate, o título será decidido nos pênaltis. O Timão busca o tetracampeonato estadual, que não ocorre desde 1919, com o Paulistano ainda na fase amadora do campeonato. Já o Verdão não conquista o Paulista desde 2008.

Fim de jogo. Corinthians e Palmeiras empatam em 0 a 0 o primeiro duelo da final do @Paulistao 2020 na @A_Corinthians. O confronto decisivo acontece neste sábado, às 16h30, no Allianz Parque.#VaiCorinthians pic.twitter.com/jkXoxm8RCQ

— Corinthians (@Corinthians) August 6, 2020

Se no dérbi da primeira fase do Estadual o destaque foi Cássio, desta vez foi o goleiro do Palmeiras que roubou a cena. Weverton realizou duas grandes defesas nas melhores chances da primeira etapa, ambas do Corinthians. Aos 27, o camisa 1 salvou uma finalização do meia Ramiro, cara a cara. Três minutos depois, esticou-se todo para defender um arremate do meia Mateus Vital, da entrada da área.

No segundo tempo, o Verdão adiantou a marcação e reduziu os espaços do Timão, mas seguiu ele próprio com pouca inspiração ofensiva. O técnico Vanderlei Luxemburgo tentou melhorar a criação alviverde com as entradas dos meias Gustavo Scarpa e Raphael Veiga. Do lado alvinegro, Tiago Nunes colocou Victor Cantillo e Ángelo Araos para dar mobilidade ao meio-campo, setor anulado na etapa final. As mudanças de ambos os treinadores, porém, não surtiram efeito.

CRB supera CSA no Rei Pelé e fica com título Alagoano

qua, 05/08/2020 - 23:38

O CRB derrotou o CSA por 1 a 0, no estádio Rei Pelé, e conquistou nesta quarta (5) o 31º título do Campeonato Alagoano de sua história.

A decisão do alagoano, que reuniu pela quinta vez consecutiva estas duas equipes, aconteceu em jogo único nesta edição da competição.

O único gol da partida saiu um pouco antes do final do primeiro tempo. Após cobrança de escanteio de Diego Torres, o atacante Léo Gamalho desvia de cabeça e a bola sobra para o lateral Igor, que finaliza, também de cabeça, para marcar o gol da vitória e do título.

Grêmio vence Inter e conquista segundo turno do Gaúcho

qua, 05/08/2020 - 23:35

O Grêmio derrotou o Internacional por 2 a 0 nesta quarta (5) e conquistou o título do segundo turno do Campeonato Gaúcho (a Taça Francisco Novelletto Neto). Com esta vitória, obtida em sua arena, o Tricolor se credencia para enfrentar o Caxias do Sul na grande decisão da competição.

Fim de jogo: #Grêmio 2x0 Internacional
É CAMPEÃO! MAIS UM GRE-NAL, MAIS UMA VITÓRIA! A TAÇA FRANCISCO NOVELETTO NETO É NOSSA! Com gols de Maicon e Isaque, vencemos mais uma vez o Internacional na nossa casa e estamos na final do #Gauchão2020!
💪🏽⚽️🇪🇪 #Grenal426 #VamosTricolor pic.twitter.com/60OL1XOt2u

— Grêmio FBPA (@Gremio) August 6, 2020

Quem acompanhou o Gre-Nal viu um jogo muito parelho e disputado, como todo bom Gre-Nal. Porém, também viu bom futebol de lado a lado.

Contudo, quem foi mais efetivo na partida foi o Tricolor, que conseguiu marcar em duas de suas oportunidades. A primeira surgiu aos 4 minutos do segundo tempo, quando o atacante Everton avançou pela ponta esquerda e cruzou para a grande área. Diego Souza subiu muito e desviou, de cabeça, para o meio da área, onde o volante Maicon só teve o trabalho de escorar para o fundo do gol.

GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL DO GRÊMIO! 💪🏽⚽️🇪🇪 #Grenal426 #Gauchão2020 #VamosTricolor pic.twitter.com/vwgyPaT5Wt

— Grêmio FBPA (@Gremio) August 6, 2020

O segundo gol do Grêmio também começou nos pés de Everton, que levanta bola na área. O jovem atacante Isaque disputa a bola com Moisés e se dá melhor. Ele então chuta forte para marcar e comemorar muito.

GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL DO GRÊMIO! 💪🏽⚽️🇪🇪 #Grenal426 #Gauchão2020 #VamosTricolor pic.twitter.com/G6FoXAKZZd

— Grêmio FBPA (@Gremio) August 6, 2020

Com a vitória obtida nesta quarta, o Grêmio se credencia para a grande final do Campeonato Gaúcho, onde enfrentará o Caxias do Sul em duas partidas.

Bolsonaro sanciona projeto de lei que prevê auxílio ao setor aéreo

qua, 05/08/2020 - 22:38

O presidente Jair Bolsonaro sancionou, nesta quarta-feira (5), o projeto de lei de conversão que prevê providências e medidas emergenciais para o setor da aviação civil devido à crise resultante da pandemia da covid-19.

O projeto de lei é originário da Medida Provisória nº 925/2020, que permitiu às empresas aéreas terem mais tempo para reembolsarem passageiros que cancelarem seus voos devido à pandemia, ampliando este prazo para 12 meses. Segundo a justificativa apresentada pelo governo, houve uma queda brusca na demanda do setor e as empresas aéreas tem enfrentado dificuldades para honrar seus compromissos.

Durante a tramitação no Congresso, os parlamentares incluíram no projeto outras medidas de amparo às companhias aéreas, às concessionárias de aeroportos durante a pandemia e fez mudanças no Código Brasileiro de Aeronáutica.

Em sua sanção, o presidente vetou três dispositivos do projeto de lei para adequação à constitucionalidade e ao interesse público. Foram vetados o Artigo 5 e os Parágrafos 2 e 3 do Artigo 9.

Vetos

Foi vetado o artigo que estabelecia aos aeronautas e aeroviários titulares de conta vinculada ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) ficaria disponível o saque mensal de recursos, por trabalhador e até o limite do saldo existente na conta vinculada.

O artigo que previa uma compensação ao setor para suavizar os efeitos da crise também foi vetado.

Athletico vira nos acréscimos sobre Coritiba e é tri no Paranaense

qua, 05/08/2020 - 22:32

No tira-teima do clássico Atle-Tiba em decisões de Campeonato Paranaense, melhor para Athletico. Nesta quarta-feira (5), o Furacão superou o Coritiba por 2 a 1, de virada, no estádio Couto Pereira, e assegurou o título estadual pela 26ª vez, sendo a terceira consecutiva.

Deu a lógica 🤷‍♂️

A festa é rubro-negra no Couto Pereira!
TRICAMPEEEÃÃÃOOOOOOOIO!!!
🏆⚫️🔴#FuracãoTri #DeuALógica pic.twitter.com/wNYeMne0ey

— Athletico Paranaense (@AthleticoPR) August 6, 2020

De quebra, o Rubro-Negro passou à frente na estatística de títulos paranaenses conquistados em cima do maior rival. Foi o nono troféu de Estadual obtido diante do Coritiba (o terceiro nos últimos cinco anos) contra oito do Coxa. O time alviverde é o maior campeão do estado, com 38 taças.

Os gols da vitória do Athletico saíram nos acréscimos da etapa final, quando o jogo parecia sentenciado aos pênaltis, após 90 minutos de baixo nível técnico e poucas chances para os dois lados. O Furacão atuava pelo empate, pois tinha vencido em casa por 1 a 0, no último domingo (2).

Os primeiros 45 minutos foram marcados por faltas e muita marcação, com poucas chances. A melhor delas, com bola rolando, foi do Coritiba, aos 36, em um chute cruzado do atacante Igor Jesus, defendido por Santos, goleiro do Athletico. O gol saiu apenas na bola parada. Aos 49, o lateral rubro-negro Adriano cometeu pênalti no atacante alviverde Robson. O zagueiro Sabino deslocou Santos na cobrança e abriu o placar para o Coxa.

Na etapa final, as duas equipes sentiram o desgaste. No Athletico, Adriano reclamou de dores e foi substituído, assim como o atacante Bisolli, que sentiu a coxa esquerda. Pelo Coritiba, Igor Jesus pediu alteração ao cair no gramado, sem condições de seguir. Isso porque no primeiro tempo, o Coxa tinha perdido o meia Rafinha, com suspeita de fratura, após uma disputa de bola com o lateral Abner.

O jogo seguiu truncado. Aos 22 minutos, o meia Léo Cittadini arriscou de fora da área, em chute rasteiro, e forçou Muralha, goleiro alviverde, a se esticar para evitar o gol. Três minutos depois, o Coritiba respondeu com o meia Gabriel, que recebeu cruzamento de Róbson, próximo à meta de Santos, e concluiu para grande defesa do arqueiro rubro-negro.

Com os times pouco inspirados, a partida caminhava para os pênaltis. Até que, nos acréscimos, o lateral Khellven, que entrou no lugar de Adriano, aproveitou a sobra, de fora da área, e acertou o ângulo do gol de Muralha, deixando tudo igual. Forçado a atacar e com só dois minutos para evitar o título rubro-negro, o Coritiba deu brecha e o Furacão liquidou a fatura, com o meia Nikão. Virada e taça para o Athletico.

As equipes voltam a campo no fim de semana, pelo Campeonato Brasileiro. De volta à Série A, o Coxa recebe o Internacional no sábado (8), às 19h30 (de Brasília). No mesmo dia, só que mais cedo, às 19h (de Brasília), o Furacão visita o Fortaleza, na partida que abre a competição.

Volta da Fórmula E tem campanha contra discriminação e show lusitano

qua, 05/08/2020 - 22:17

Após 158 dias de interrupção, devido à pandemia do novo coronavírus (covid-19), a temporada 2019/2020 da Fórmula E foi retomada nesta quarta-feira (5), em Berlim (Alemanha), com a primeira de seis provas a serem disputadas até 13 de agosto. No retorno, a categoria de carros elétricos lançou uma campanha de enfrentamento à discriminação, com a hashtag #PositivelyCharged (carregados positivamente, em tradução livre).

O vídeo da campanha tem participação de técnicos, engenheiros, diretores e dos pilotos da Fórmula E. Entre eles, os brasileiros do grid: Lucas Di Grassi, Felipe Massa e Sérgio Sette Câmara, este último contratado durante a paralisação do campeonato.

“Estamos unidos contra a discriminação de qualquer forma e nutrindo uma cultura de inclusão que celebra a diversidade em todas as formas. Sabemos que essa é uma corrida sem linha de chegada, mas não significa que não possamos ir mais rápido”, diz a mensagem do vídeo, cuja hashtag faz parte do movimento #PurposeDriven, da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), que visa iniciativas que tornem a modalidade mais inclusiva e sustentável.

Outra campanha que integra o movimento é a #WeRaceAsOne, da Fórmula 1. Antes do Grande Prêmio da Inglaterra, disputado no último domingo (2), a categoria divulgou um vídeo com os pilotos declarando comprometimento no combate ao racismo. Dono de seis títulos mundiais e único negro do grid, o inglês Lewis Hamilton é a principal voz das manifestações, ajoelhando-se em protesto ou erguendo o punho no pódio.

END RACISM #WeRaceAsOne #F1 pic.twitter.com/pOKDuM8eYa

— Formula 1 (@F1) August 2, 2020 Vitória portuguesa

Antes da largada, o grid da Fórmula E prestou homenagem, em silêncio, “em respeito àqueles que tragicamente perderam para o coronavírus, em reflexão ao desafio do [enfrentamento ao] racismo e em rejeição à discriminação em todas as suas formas”, diz a categoria. Alguns pilotos se ajoelharam durante a pausa, como o francês e atual bicampeão Jean-Eric Vergne, o belga Stoffel Vandoorne e o holandês Nyck de Vries. Os dois últimos são da equipe Mercedes, a mesma que Hamilton defende na Fórmula 1.

        Ver essa foto no Instagram                  

A moment for reflection. #PositivelyCharged #ABBFormulaE

Uma publicação compartilhada por ABB Formula E (@fiaformulae) em 5 de Ago, 2020 às 10:05 PDT

Na pista do autódromo de Tempelhof, que fica no aeroporto de Berlim, Antônio Félix da Costa levou a melhor. Líder da temporada, o português da equipe Techeetah não só fez a pole position como venceu a prova e fez a volta mais rápida. O alemão André Lotterer, da Porsche, chegou em segundo, com o inglês Sam Bird, da Envision, completando o pódio.

        Ver essa foto no Instagram                  

GANHAMOS!!!!!!! 2a vitoria consecutiva! Olhos posto no objetivo final! . . . VICTORY!!! Soo happy! Thanks team!

Uma publicação compartilhada por Antonio Felix da Costa (@afelixdacosta) em 5 de Ago, 2020 às 2:24 PDT

O melhor brasileiro foi Lucas Di Grassi, da Audi, que terminou em oitavo, na zona de pontuação, após largar em 20º. O estreante Sérgio Sette Câmara, da Dragon, concluiu a prova em 19º. Já Felipe Massa, da Venturi, estava entre os 10 primeiros quando abandonou a corrida, após parar no muro.

        Ver essa foto no Instagram                  

One of the best Formula E races ever in an incredible return to racing! Highlights from Round 6 of the #BerlinEPrix #SeasonSixFinale ⚡ #ABBFormulaE #Racing #Motorsport

Uma publicação compartilhada por ABB Formula E (@fiaformulae) em 5 de Ago, 2020 às 2:09 PDT

Com a vitória desta quarta, a segunda consecutiva no campeonato, Félix da Costa disparou na liderança geral de pilotos, com 97 pontos, 41 a frente do neozelandês Mitch Evans, da Jaguar. Di Grassi está em oitavo, com 42 pontos. Massa é o 19º, com um ponto. Sette Câmara, como passou em branco na corrida de estreia, ainda está zerado.

A temporada da Fórmula E segue nesta quinta-feira (6) com mais uma prova no aeroporto de Berlim, no mesmo traçado. Depois, serão dois dias de intervalo e dois de corrida, no mesmo lugar, mas com um layout diferente de pista. A competição segue até dia 13, com portões fechados e, segundo a categoria, “rigorosas medidas de segurança”.

SP: boletins eletrônicos de violência doméstica chegam a 5,5 mil

qua, 05/08/2020 - 22:07

Com a possibilidade acionar a polícia pela internet durante a pandemia de covid-19, o número de boletins eletrônicos de ocorrência de violência doméstica chegou a 5,5 mil no estado de São Paulo, no período de abril a junho. O índice representa cerca de 20% do total de boletins deste tipo de crime registrado no período. Os dados, divulgados hoje (5), são da Secretaria de Segurança Pública (SSP).

A possibilidade inédita de registro eletronicamente de violência doméstica teve início em 3 de abril no estado, dez dias após o início da quarentena. Segundo a coordenadora das Delegacias de Defesa da Mulher em São Paulo, Jamila Ferrari, a iniciativa da Polícia Civil de ampliar os crimes que podem ser registrados por meio da Delegacia Eletrônica tem encorajado vítimas de violência doméstica a denunciarem seus agressores, especialmente neste período de quarentena.

"Nos históricos de ocorrências tínhamos muitas vítimas que pediam ajuda, socorro. Justamente por isso nós passamos a permitir que a Delegacia Eletrônica registrasse esses casos. É mais uma ferramenta de combate a este crime", destacou.

Segundo a SSP, além do boletim eletrônico, as mulheres podem utilizar o aplicativo SOS Mulher, que permite que as vítimas de violência doméstica – que possuam medida protetiva expedida pela Justiça – peçam ajuda quando estiverem em situação de risco.

Bolsonaro sanciona lei de negociação de dívidas das micro empresas

qua, 05/08/2020 - 22:03

O presidente Jair Bolsonaro sancionou hoje (5) o Projeto de Lei Complementar (PLP) 9/2020, que autoriza a extinção de créditos tributários devidos pelas micro e pequenas empresas integrantes do Simples Nacional. 

O anúncio foi feito durante transmissão pelas redes sociais. Ao lado dele estavam os deputados federais Marco Bertaiolli (PSD-SP) e Gutinho Ribeiro (Solidariedade-SE), além do senador Jorginho Mello (PL-SC), que relatou a matéria no Senado. 

Segundo o presidente, a medida visa garantir a preservação de empregos durante a pandemia do novo coronavírus. O projeto havia sido aprovado em julho e aguardava sanção presidencial.

“Estamos fechando basicamente o leque para manutenção de empregos no Brasil”, disse Bolsonaro durante a live. O senador Jorginho Mello disse que o projeto vai garantir a sobrevivência dos pequenos negócios. “Isso vai de encontro a tudo aquilo que o micro e pequeno empresário sempre sonhou.”

Em nota, a Secretaria-Geral da Presidência da República afirma que “a iniciativa tem o objetivo de autorizar a extinção de créditos tributários devidos pelas microempresas (MEs) e Empresas de Pequeno Porte (EPPs), que participam do Simples Nacional, por meio de transação resolutiva de litígio. Com isso, os créditos da Fazenda Pública, em fase de contencioso administrativo ou judicial ou inscritos em dívida ativa poderão ser extintos mediante transação.”

O projeto facilita a renegociação de dívidas dessas empresas com a União nos termos da Lei do Contribuinte Legal (Lei 13.988, de 2020). A lei, sancionada em abril deste ano, permite ao governo fazer negociações chamadas de transações resolutivas de litígios quanto a dívidas com a União, seja em fase administrativa, judicial ou em fase de créditos inscritos em dívida ativa

O PLP prevê também a prorrogação do prazo para enquadramento no Simples Nacional para as micro e pequenas empresas. Essa prorrogação ainda será regulamentada pelo Comitê Gestor do Simples Nacional.

Dívidas com a União

O presidente Jair Bolsonaro assinou em outubro de 2019 a Medida Provisória (MP) do Contribuinte Legal, que visa a regularização e resolução de conflitos fiscais entre a administração federal e os contribuintes devedores da União. 

Na ocasião, Bolsonaro afirmou que, além de “dar uma segunda chance a quem não deu certo no passado e tem uma dívida grande” e tornando o ambiente de negócios mais leve e mais empreendedor no país.

Mega-Sena acumula; prêmio vai a R$ 6,5 milhões

qua, 05/08/2020 - 21:37

Nenhum apostador acertou as seis dezenas do Concurso 2.286 da Mega-Sena, sorteados nesta quarta-feira (5) no Espaço Loterias Caixa, no Terminal Rodoviário Tietê, em São Paulo.

Os números sorteados foram 09 - 21 - 30 - 41 - 42 - 43.

A quina teve 28 acertadores e cada um vai receber R$  56.321,66. As 1.649 apostas ganhadoras da quadra terão o prêmio individual de R$ 1.366,20.

A estimativa de prêmio do próximo concurso, no sábado (8), é de R$ 6,5 milhões para quem acertar as seis dezenas.

As apostas na Mega-Sena podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio em lotéricas ou pela internet.

A aposta simples, com seis dezenas, custa R$ 4,50.

Itapevi: laudo descarta culpa de local que fez marmitas envenenadas

qua, 05/08/2020 - 21:32

Laudo recebido pela Secretaria de Segurança Pública (SSP) do Estado de São Paulo mostra que a igreja onde foram preparadas as marmitas que mataram por envenenamento duas pessoas em Itapevi no último dia 22 estava apropriada para a produção de alimentos. O ambiente, segundo a polícia, foi considerado próprio para a atividade.

“A unidade policial recebeu o laudo referente à perícia do local onde os alimentos foram produzidos. Não foram constatadas substâncias tóxicas e o ambiente foi considerado próprio para a atividade”, destacou hoje (5) a SSP, em nota.

As autoridades continuam a investigar, por meio de inquérito policial instaurado pela Delegacia de Itapevi, a morte por envenenamento de dois homens em situação de rua, identificados como José Araujo Conceição e Vagner Aparecido Gouveia de Oliveira, que consumiram as marmitas recebidas por doação quando estavam em um posto de combustíveis na cidade.

Eles faleceram na madrugada do último dia 22, após terem consumido a refeição, que continha substância tóxica, segundo a polícia. Os dois foram levados ao Pronto-Socorro Central do município, mas não resistiram.

De acordo com a prefeitura de Itapevi, um terceiro homem com residência fixa também recebeu o alimento doado e o compartilhou com uma criança de 11 anos e uma adolescente de 17 que moram com ele. Após sentirem mal-estar, foram encaminhados a unidades de saúde. Eles permanecem internados no Hospital Geral de Pirajussara e no Hospital Geral de Osasco.

“O prédio tremeu, o chão subiu”, diz brasileira no Líbano

qua, 05/08/2020 - 21:22

Meirielly Reis é brasileira e mora em Beirute. Ela mora em um bairro a 15 minutos da região portuária onde ocorreu a explosão na cidade ontem. Ela conta que se assustou com os estouros e sentiu os efeitos na sua residência.

“Na hora da explosão eu estava em casa. A primeira foi leve, a segunda mais forte e a terceira estrondante, como uma onda de energia e calor inundasse tudo por aqui. O prédio tremeu, o chão subiu. Tremia e voltava. Isso aconteceu quatro vezes. Eu achei que era um terremoto. Só pensei em sair de casa”, relatou à Agência Brasil.

As janelas fechadas se romperam com a pressão e a onda avançou para dentro das casas. A janela da casa de Meirielly estava aberta, então os vidros não quebraram. Mas na garagem onde guarda o carro, isso ocorreu.

Depois de cinco minutos, uma nuvem vermelha invadiu todo o céu. Em seguida começou a cair pedaços de fragmentos, como uma chuva negra que cobriu toda a região. “Foi uma coisa muito assustadora”, lembra.

Casada com libanês

Meirielly mora no Líbano há oito anos. Casada com um libanês, disse à reportagem que preferiu criar os quatro filhos no país.

A brasileira contou que ainda não recebeu contato da embaixada do Brasil no país para avaliar a sua situação e que não conhece nenhum brasileiro que foi contactado.

Meirielly disse que não viu ainda nas ruas o tamanho do estrago. Isso porque a brasileira não teve coragem de sair de casa até o momento.

Em nota, o Ministério das Relações Exteriores afirmou que não há registro de brasileiros feridos ou mortos. A pasta acompanha a situação.

“O Itamaraty seguirá acompanhando a situação por meio da Embaixada do Brasil em Beirute, em coordenação com a Divisão de Assistência Consular (DAC) em Brasília”, diz o comunicado.

O Itamaraty informou também que o telefone de plantão consular está disponível para os brasileiros vivendo no país. O número é +961 70108374. Também é possível entrar em contato com o núcleo de assistência a brasileiros do Ministério em Brasília por meio do e-mail: dac@itamaraty.gov.br.  Para quem deseja entrar em contato por telefone do Brasil o número é +55 61 98197-2284. 

A Agência Brasil entrou em contato com o ministério sobre a assistência dada aos brasileiros no Líbano e aguarda retorno.

Tragédia grande

Em entrevista à Rádio Nacional, o presidente da União Líbano-Brasileira, Bassan Haddad, que mora em Beirute, disse que muitas casas foram prejudicadas. “Há muitos mortos e muitos feridos. Os mortos, eles estão ainda colhendo, está chegando na faixa de 300”, disse.

Além das perdas de vidas e dos feridos, o presidente da União Líbano-brasileira destaca que houve danos materiais significativos. “A região foi muito prejudicada. Shoppings, restaurantes, lojas, igrejas, mesquitas. Realmente, uma tragédia grande”, destacou.

Haddad relatou que estão vivendo “uma situação bem delicada”. Ele reforçou que as investigações até agora apontam para causa acidental. “É um acidente mesmo. Nada de atentado, nada de bomba. Isso foram boatos”, disse.  

Ele acredita que o povo libanês e os moradores do país vão se recuperar. “Vamos sair dessa porque o Líbano já teve experiência. Sempre levanta novamente e vamos reconstruído”, espera.

Ouça matéria sobre a explosão em Beirute na Radioagência Nacional:

 

* Com informações da Rádio Nacional

Senado aprova uso do salário-educação para pagamento de pessoal

qua, 05/08/2020 - 21:07

O Senado aprovou, hoje (5), o Projeto de Lei (PL) 2.906 de 2020, que permite o uso dos recursos do salário-educação para o pagamento de pessoal durante a vigência do estado de calamidade, que tem duração prevista até o dia 31 de dezembro deste ano. O projeto segue para a Câmara dos Deputados.

O salário-educação é uma contribuição social recolhida de todas as empresas e entidades vinculadas ao Regime Geral da Previdência Social e foi criado para financiar projetos e programas em benefício da educação básica pública. Seu uso para pagamento de pessoal é vedado por lei. Esse PL visa, justamente, suspender temporariamente essa vedação.

Segundo o autor do projeto, senador Dário Berger (MDB-SC), a medida é importante “para dar certo fôlego à gestão educacional de estados e municípios, diante do forte peso da folha de pagamento em suas despesas, bem como dos novos compromissos derivados da situação de anormalidade na oferta escola.”

O relator do projeto, senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB-PB), acatou emendas que condicionam o uso dos recursos do salário-educação para a remunerar profissionais da educação básica pública que atuam na preservação do financiamento dos programas suplementares, como material didático escolar, transporte, alimentação e assistência à saúde.

“A emenda coincide com nosso julgamento sobre a necessidade de, dentro da excepcionalidade prevista pela proposição, conceber também seu caráter subsidiário, de modo a assegurar o bom andamento das iniciativas historicamente financiadas pelos recursos”, justificou o relator.

Projetos não votados

Dos cinco projetos que o Senado analisou no dia de hoje, dois esbarraram em discordância entre os parlamentares e não foram votados. Um deles foi o Projeto de Lei Complementar 133 de 2020, que trata da reposição de perdas de arrecadação dos estados em virtude da Lei Kandir, de 1996. Trata-se de um assunto antigo, que tem colocado estados e União em lados opostos, em uma briga que, inclusive, chegou ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Outro projeto que não encontrou acordo foi o Projeto de Lei Complementar que proíbe o contingenciamento de recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – FNDCT. Divergências com a posição do governo, expressas pelo líder no Senado, Fernando Bezerra (MDB-PE), motivaram o adiamento do projeto, que deverá ser votado na próxima quarta-feira (12)

Neste período de sessões remotas, os senadores têm evitado, ao máximo, colocar em votação matérias sem acordo. Isso explica os placares muitas vezes unânimes nas votações de projetos de Lei e Medidas Provisórias. Na sessão de hoje, no entanto, divergências entre líderes adiou a votação dos dois projetos.

Páginas