agario unblocked agario - yohoho - agario - agario - slitherio

Disque Denúncia oferece recompensa para informações sobre morte da corretora no Rio

02:08 Geral, Notícias 17/08/2018 - 15h10 Rio de Janeiro Embed

Ícaro Matos

O Disque Denúncia, organização não governamental que trabalha em conjunto com a polícia do Rio de Janeiro, está oferecendo uma recompensa de R$ 1 mil por informações que levem à prisão dos suspeitos de envolvimento na morte da corretora de imóveis Karina Garofalo Pereira, de 44 anos. Ela foi assassinada a tiros, nesta quarta-feira, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio.

 

Pedro Paulo Barros Pereira Júnior e seu primo, Paulo Maurício Barros Pereira, tiveram a prisão temporária por 30 dias decretada pela Justiça nesta quinta e são considerados foragidos. Quem tiver qualquer informação sobre o caso pode entrar em contato através do telefone (21) 2253 1177 ou do WhatsApp (21) 98849-6099. O anonimato é garantido.

 

Pedro Paulo, que é ex-marido de Karina, é apontado pela polícia como mandante do crime, e Paulo Maurício seria o executor. Este último foi reconhecido como autor dos disparos pelo filho da vítima, de 13 anos, que estava presente no momento do assassinato. De acordo com a Polícia Civil, Paulo Maurício também foi flagrado pelas câmeras de segurança de um shopping seguindo Karina pouco antes da execução.

 

Pedro Paulo e Karina eram separados havia 5 anos e tinham uma relação conturbada. Ele é o pai do menino que presenciou o assassinato. 

 

O crime foi gravado por câmeras de segurança. As imagens mostram a corretora voltando para casa caminhado pela calçada, na Avenida Malibu, em frente a um condomínio, quando um homem usando capuz desce de um carro, se aproxima e atira a queima roupa contra ela.

 

Em seguida, Karina fica caída na calçada e o atirador foge sem levar nada. A corretora foi atingida na cabeça e no braço, por pelo menos três tiros, e morreu na hora.O filho da vítima estava poucos passos à frente e presenciou o crime, mas não foi ferido.

 

Karina, será enterrada nesta sexta-feira, em Volta Redonda, no sul do Estado do Rio de Janeiro, sua cidade natal e onde também vivem os suspeitos de envolvimento no crime.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique