agario unblocked agario - yohoho - agario - agario - slitherio

Mulheres com cargos estratégicos em facção são alvo de operação da Polícia Federal

02:13 Geral, Notícias 07/02/2020 - 21h47 Brasília Embed

Renata Martins

10 mulheres foram presas nesta sexta-feira acusadas de participação em ala feminina de facção criminosa na Região Norte. A Polícia Federal ainda faz buscas para cumprir outros quatro mandados de prisão preventiva.

 

A Operação Lâmpades foi realizada nesta sexta-feira, com mandados expedidos para Boa Vista, Roraima; São Paulo, na capital e em Guarulhos; e em Tauaracá, no Acre.


As investigações apontaram que a facção acreditava que mulheres estão menos expostas e correm menos riscos de serem presas. Por esse motivo, passaram a receber papéis de maior relevância dentro da organização.

 

De acordo com a polícia, a ala feminina atua em áreas tidas como estratégicas, como o controle e guarda de drogas e armas de fogo e facilitando o relacionamento entre criminosos de dentro do sistema prisional com os de fora.


As investigações também apontaram para o envolvimento dessas mulheres em crimes violentos, entre eles, os “tribunais do crime” - método de “julgamento”, no qual os criminosos são os juízes e os “condenados” pela facção podem ser submetidos a tortura e morte.

 

Uma das suspeitas recebia dinheiro e tinha o curso de Direito pago pela facção. Em contrapartida, ajudava na comunicação de criminosos de dentro e fora dos presídios e defendia interesses do grupo junto a entes públicos.


O comando para a ala feminina da facção na Região Norte partiria de São Paulo. Duas mulheres que estão foragidas por crimes como roubo e tráfico de drogas atuariam como coordenadoras das demais.

 

O nome da Operação faz referência à mitologia grega. Lâmpades são ninfas - espíritos femininos que habitam o reino dos mortos, vagando pelo submundo.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique