agario unblocked agario - yohoho - agario - agario - slitherio

Distrito Federal tem 70% dos casos confirmados de Covid-19 em presídios do país

01:59 Geral, Notícias 14/05/2020 - 12h52 Brasília Embed

Beatriz Albuquerque

Brasília já tem 70% de todos os casos confirmados de coronavírus em presídios do país. Apesar da grande quantidade de infectados - cerca de 130 policiais e 460 presos - não há registros de morte por causa da doença.

 

Os pacientes que precisam de atendimento hospitalar estão sendo encaminhados ao HRAN – O Hospital Regional da Asa Norte, que é referência no tratamento da Covid-19 na cidade.

 

Desde o início do aumento repentino de casos da doença nas penitenciárias do DF, o governo passou a adotar medidas para conter o avanço do vírus, como: testagem de todos os presos e policiais do sistema carcerário, limpeza de celas, viaturas e instalações administrativas, suspensão de visitas e vacinação de todos contra a gripe.

 

Mesmo com todas essas precauções, os casos vêm aumentando, o que preocupa as autoridades de saúde da cidade.

 

Já no Rio Grande do Sul, nenhum dos 40 mil presos do Estado testou positivo para o novo coronavírus. São 152 unidades prisionais e, em todos eles, medidas de prevenção foram tomadas logo no início da pandemia, o que garantiu que ninguém ficasse doente até agora.

 

Desde fevereiro, as visitas aos detentos estão suspensas e há distribuição regular de equipamento de proteção individual, como máscaras. A obrigatoriedade do uso dessas máscaras começou essa semana.

 

Presos e agentes deverão usar a proteção o tempo todo.

 

Além disso, um plano de contingência foi criado para o enfrentamento à pandemia, além de um esquema de testagem de pessoas que apresentarem sintomas.

 

Os municípios de Lajeado e Passo Fundo iniciaram a testagem rápida nos presos em quarentena. Os testes acontecem a partir do 14º dia de isolamento, mesmo que assintomáticos.

 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique