agario unblocked agario - yohoho - agario - agario - slitherio

Relógios digitais do Rio mostram que aumentou nível de circulação de pessoas em vários bairros

02:36 Geral, Notícias 07/05/2020 - 18h46 Rio de Janeiro Embed

Tatiana Alves

Os relógios digitais que informam temperatura e hora em ruas do Rio de Janeiro passaram a exibir também a redução na circulação de pessoas em alguns bairros. A medida é uma parceria entre o Centro de Operações da prefeitura do Rio  e as empresas Clear Channel e Cyberlabs.

 

Os dados exibidos já eram monitorados com um método que combina o uso de câmeras de trânsito da prefeitura e a inteligência artificial da Cyberlabs. A partir das imagens, o software é capaz de comparar a movimentação atual com níveis anteriores à quarentena e exibir o resultado em tempo real nos relógios digitais.

 

Os relógios mostravam que Copacabana tinha na quarta-feira redução de 67% de pessoas nas ruas. O bairro foi o que confirmou o maior número de casos de coronavírus (367) e tinha até ontem o segundo maior número de mortos (39).

 

Os dados do isolamento social se tornaram motivo de preocupação para a prefeitura do Rio de Janeiro, uma vez que o monitoramento indica aumento do fluxo de pessoas nas ruas. Nos últimos 15 dias, a redução de movimento nos bairros monitorados caiu de 79% para 74%.

 

Em entrevista coletiva, o prefeito Marcelo Crivella sinalizou medidas de isolamento na zona oeste da cidade, onde o desrespeito ao isolamento social se tornou mais alarmante.

 

Sonora: "Por sete dias o calçadão de Campo Grande ficará interditado. E eu peço a colaboração de todas as pessoas."

 

Os bairros de Campo Grande, Santa Cruz e Bangu estão entre os campeões de denúncias no Disk Aglomeração, criado para que fiscais verifiquem denúncias de atividades não essenciais que reúnam pessoas durante a pandemia.

 

Os três bairros agora figuram entre os que têm mais mortos por covid-19 e também registram taxas de mortalidade mais elevadas que bairros nobres da cidade.

 

 

* Com informações da Agência Brasil

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique