agario unblocked agario

Embaixador nega interferência em importação e diz que prioridade é combater Covid-19

02:35 Internacional, Notícias 07/04/2020 - 13h35 Brasília Embed

Lucas Pordeus Leon

O novo embaixador dos Estados Unidos no Brasil, Todd Chapman, negou interferência em compras de equipamentos contra a Covid-19 e afirma que a prioridade é ajudar Brasil no combate a pandemia.

 

O novo embaixador enviado pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, para o Brasil, assumiu o posto na semana passada e convocou, para esta terça-feira (07), uma coletiva com a imprensa brasileira. Ele foi sabatinado e aprovado pelo Senado em fevereiro.

 

Segundo o novo embaixador, a prioridade, neste momento, é ajudar o governo brasileiro no combate à pandemia da Covid-19, além de auxiliar os 260 mil norte-americanos que vivem no Brasil. Chapman negou que os Estados Unidos estejam boicotando compras do Brasil na China de equipamentos para o combate ao coronavírus.

 

O ministério da Saúde do Brasil tem relatado dificuldades em adquirir equipamentos na China. O consórcio de governadores do Nordeste, informou, na semana passada, que uma empresa chinesa cancelou, sem explicar o motivo, a venda de 600 respiradores para o Ceará e a Bahia.

 

Já o governador do Amazonas, Wilson Lima, disse que 200 respiradores que tentava adquirir nos Estados Unidos foram confiscados. O embaixador norte-americano disse que não há informações de bloqueios ou confiscos de materiais para o Brasil.

 

Questionado se a China estaria usando o comércio de produtos contra a Covid-19 para ganhar influencia geopolítica, Todd Chapman disse que não vê dessa forma.

 

O novo embaixador dos Estados Unidos no Brasil já morou aqui na década de 1970 e, antes de virar assumir a embaixada no Brasil, foi embaixador no Equador entre 2016 e 2019. Também já desempenhou funções diplomáticas na Bolívia; Costa Rica, Nigéria, Taiwan e Afeganistão.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique