Indígenas terão prazo maior para sacar auxílio emergencial e benefício previdenciário

01:35 Justiça, Notícias 21/05/2020 - 12h11 Brasília Embed

Beatriz Albuquerque

Os indígenas do Acre terão agora um prazo maior para sacar os benefícios previdenciários e o auxílio emergencial. A decisão é da Justiça Federal que acolheu o pedido feito pelo Ministério Público Federal e pela Defensoria Pública da União.

 

Na decisão, a juíza federal, Franscielle Medeiros, reconhece a gravidade dos efeitos do novo coronavírus à saúde da população, destacando a vulnerabilidade dos índios das aldeias do estado do Acre. Essas comunidades ficam distantes dos centros urbanos, o que prejudica o deslocamento.

 

Como há, de acordo com a magistrada, muitas deficiências no sistema de amparo à saúde dos indígenas, é necessário evitar a propagação da doença nesses territórios. Com a liminar, a União, a Caixa Econômica Federal e o INSS estão obrigados a tomar todas as medidas para ampliar o prazo de saque do auxílio emergencial e de benefícios previdenciários para indígenas, pelo prazo que a OMS considerar o estado de pandemia, evitando o deslocamento entre aldeias e cidades.

 

Essa informação de ampliação do prazo deve ser amplamente divulgada em todos os meio de comunicação, com tradução escrita e oral nas línguas dos povos indígenas do Acre.

 

O prazo para cumprimento da decisão é de 15 dias, com multa diária em valor a ser fixado em caso de descumprimento. União, Caixa e INSS ainda podem recorrer da decisão.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique