"Minha preocupação sempre foi salvar vidas", afirma Bolsonaro em pronunciamento

02:30 Política, Notícias 31/03/2020 - 22h50 Brasília Embed

Kariane Costa

Em novo pronunciamento sobre o coronavírus em rede nacional de rádio e TV, o presidente Jair Bolsonaro mostrou mais uma vez preocupação com as políticas de distanciamento social para evitar a disseminação da Covid-19.


O presidente citou uma fala do diretor da OMS, Tedros Adhanom, sobre o apoio que governos devem oferecer aos trabalhadores informais.


Bolsonaro não negou a importância das medidas de prevenção da pandemia, mas disse também temer pelo desemprego.


“Minha preocupação sempre foi salvar vidas, tanto as que perderemos pela pandemia quanto aquelas que serão atingidas pelo desemprego, violência e fome. As medidas protetivas devem ser implementadas de forma racional, responsável e coordenada”.


Nas redes sociais, Tedros Adhanom escreveu que pessoas sem salários regulares ou poupanças merecem políticas sociais que garantam dignidade e permitam a elas adotar medidas contra a Covid-19 seguindo orientações da OMS e das autoridades do país.


O presidente Bolsonaro também citou em seu pronunciamento o adiamento, por 60 dias, do reajuste anual no preço de todos os remédios, além de outras medidas adotadas pelo governo durante o estado de calamidade.


“Estão sendo adquiridos novos leitos, já com respiradores, equipamentos de proteção individual, kits para testes e demais insumo necessários. Determinei ainda ao nosso ministro da Economia que adotasse todas as medidas possíveis para proteger sobretudo o emprego e a renda dos brasileiros. Fizemos isso através de ajuda financeiras aos estados e municípios, linha de crédito para empresas, auxílio mensal de R$ 600 para trabalhadores informais e vulneráveis, entrada de mais de 1,2 milhão de famílias no programa Bolsa Família. Adiamos também o pagamento de dívidas de estados e municípios”.


O presidente agradeceu aos profissionais de saúde pela dedicação no combate ao coronavírus e voltou a falar da importância da colaboração de Legislativo, Executivo, Judiciário e sociedade civil para a preservação da vida e dos empregos.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique