agario unblocked agario

Niterói tem regras mais duras contra Covid-19

02:03 Saúde, Notícias 04/04/2020 - 16h54 Rio de Janeiro Embed

Cristiane Ribeiro

 

A prefeitura de Niterói, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, decidiu endurecer ainda mais as medidas para conter o avanço do novo coronavírus no município. A partir deste sábado, há barreiras físicas e blitzes de agentes de trânsito em 28 pontos diferentes da cidade, para restringir quem vem do Rio, São Gonçalo e Maricá.

 

Também está proibida a entrada e circulação de táxis de cidades vizinhas e a redução para 30% de ônibus intermunicipais no Terminal Municipal João Goulart. Caminhões e outros transportes de carga estão sofrendo restrições para fazer entregas.

 

Todos os pontos de bloqueio estão sinalizados. Nos locais de fechamento total há blocos de concreto que impedem a passagem de veículos. A operação dos pontos de bloqueio envolve um efetivo de 200 agentes de trânsito e da guarda municipal de Niterói. As restrições valem até o próximo dia 18 deste mês.

 

Nessa sexta-feira, as prefeituras de Niterói e Maricá doaram R$ 90 milhões, sendo 45 milhões de cada uma, para o governo do estado implantar um hospital de campanha com 200 leitos para o tratamento da Covid-19, em São Gonçalo.

 

A cidade tem quase 500 mil habitantes e, de acordo com dados da Secretaria Estadual de Saúde, Niterói tem 65 casos confirmados e uma morte provocada pela doença. Dos casos confirmados, 16 estão internados, sendo nove em unidades de terapia intensiva e 22 em isolamento domiciliar monitorado.

 

Niterói entrou em quarentena total no dia 23 de março último. Desde então, apenas serviços essenciais podem funcionar, o que inclui supermercados, farmácias, postos de combustíveis, laboratórios médicos  e clínicas veterinárias.

 

Na semana anterior, o prefeito Rodrigo Neves já havia determinado o fechamento de espaços públicos e de lazer, além do bloqueio às praias.

 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique