agario unblocked agario - yohoho - agario - agario - slitherio

Suspensão de funcionamento do comércio e serviços será prorrogada no Amazonas

01:58 Saúde, Notícias 13/05/2020 - 12h38 Brasília Embed

Maíra Heinen

Os dados da Secretaria de Saúde do Amazonas mostram aceleração nos números da pandemia do novo coronavírus.

 

Nessa terça-feira (12), foram 63 novas mortes; no total de 1.098 vítimas no estado.

 

Os casos confirmados para a doença chegaram a 14.168. Mais da metade das ocorrências são na capital, Manaus. Mas, 56 municípios do interior registraram transmissão comunitária do vírus e em 39 deles, pessoas morreram com a doença.

 

Após reunião com representantes da Assembleia Legislativa, do Tribunal de Justiça e empresários, o do governador do Amazonas, Wilson Lima, anunciou a edição de um novo decreto, nesta quarta-feira (13), que prorroga até 31 de maio a suspensão do funcionamento de estabelecimentos comerciais e de serviços não essenciais.

 

O texto estabelece ainda uso obrigatório de máscara e penalidades, como multa diária de R$50 mil para pessoas jurídicas que não cumprirem as determinações.

 

O governador afirmou, ainda, que o estado vai ampliar o trabalho de fiscalização para o cumprimento das medidas de isolamento por meio das forças estaduais de segurança pública.

 

O decreto vai manter suspensos, por exemplo, o transporte intermunicipal e interestadual terrestre de pessoas e o fluvial de passageiros; e a proibição de abertura de igrejas e academias de ginástica.

 

A primeira instância da Justiça Amazonense já negou um pedido do chamado lockdown, que é a proibição de todas as atividades que não sejam consideradas essenciais.

 

O pedido tinha sido feito pelo Ministério Público do Estado, que recorreu à segunda instância. Os promotores querem que as medidas mais radicais sejam adotadas em Manaus, durante pelo menos 10 dias.

 

Com a colaboração de Victor Ribeiro, da Rádio Nacional em Brasília, Maíra Heinen

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique